JORNET - Jornal Escolar AEJMS
JORNET - Jornal Escolar AEJMS

DIA ESCOLAR DA NÃO-VIOLÊNCIA E DA PAZ - 30 JANEIRO

Jan/2019 por Departamento Ciências Sociais e Humanas



O Dia Internacional da Não-Violência foi proclamado pela Organização das Nações Unidas (ONU) em homenagem ao pacifista indiano Mahatma Gandhi, assassinado em 30 de janeiro de 1948.

O Dia Escolar da Não Violência e da Paz comemora-se anualmente a 30 de janeiro nas escolas. A data foi instituída em 1964 pelo poeta, pedagogo e pacifista espanhol Llorenzo Vidal e teve como objetivo alertar alunos, pais, professores, sociedade e entidades políticas e governamentais, não só para os Valores como a cooperação, a entreajuda, a não-violência e a paz, bem como (no caso das entidades políticas e governamentais) para o seu papel fundamental nas políticas e diretrizes em matéria educativa enquanto serviço ao Bem Comum, e também sobre a necessidade de uma educação permanente que permita a consolidação de uma Cultura de Cidadania, favorecedora de atitudes que se traduzam, na prática, em comportamentos de mútuo respeito e de solidariedade.

As questões que usualmente se colocam — O que é a Paz? Como integrá-la na comunidade escolar? — são pertinentes mas de resposta difícil de construir.

A Paz não é apenas a ausência de conflito, é muito mais do que isso. É estar bem consigo e com os outros. É saber de onde se vem e para onde se vai. É perceber que a vida tem sentido. É saber que o lugar de cada um no mundo é único. Tem a ver com a forma como a criança / jovem se relaciona consigo própria, com os outros e com o mundo, num processo que implica o desenvolvimento de atitudes e valores.

É pois responsabilidade de cada um colocar em prática os valores, as atitudes e formas de conduta que inspirem uma cultura de paz. Todos podem contribuir para esse objetivo na sua família, no seu bairro, na sua cidade e no seu país ao promover a não-violência, a tolerância, o diálogo, a reconciliação, a justiça e a solidariedade através das suas atitudes quotidianas.

Discurso de Martin Luther King Jr. quando recebeu o Prémio Nobel da Paz em 1964


“A não-violência é uma arma poderosa e justa. Realmente, é uma arma única na história, que corta sem ferir e enobrece quem a usa.”

Mahatma Gandhi

“Não existe um caminho para paz! A paz é o caminho!”



JORNET - Jornal Escolar AEJMS

 

Top