JORNET - Jornal Escolar AEJMS

NOTÍCIAS

JORNET - Jornal Escolar AEJMS

Pai Natal viaja em nave de grande velocidade

Dez/2017 por 5ºH - EB23JMS



Em Pinhal Novo já era Natal. As ruas estavam tão brilhantes que até parecia que se viam as estrelas! Dentro das casas viam-se Árvores de Natal, muita comida e muitas pessoas.

Quando as pessoas se deitaram, o Pai Natal, que estava no Pólo Norte, preparava-se para sair para entregar os presentes. Os anões que estavam ao seu lado, ouviram um ruído forte e foram ver. Avistaram uma nave espacial. Era muito bonita e com muitas decorações. De dentro dela saiu um astronauta. O Pai Natal também o viu.

- Uma nave! E um astronauta! – Disseram todos.

O astronauta olhou-os e os anões fugiram cheios de medo. Então, dirigiu-se ao Pai Natal e disse-lhe:

- Pai Natal, quando era criança, ouvi falar de ti. Mas nunca te tinha visto. Deixava-te as bolachas de cenoura e o leite e tu nunca as comeste nem bebeste o leite.

O Pai Natal respondeu-lhe:

- Nunca comi as bolachas nem bebi o leite porque estavas acordado. Já eram horas de estares a dormir.

-Ah! Então foi por isso! Olha, durante muito tempo quis saber por que não vinhas. Pensei que a culpa era do trenó e das renas que eram muito lentas.

-Ah! Agora compreendo por estás aqui. – Disse o Pai Natal.

-Sim. Traz os presentes todos e entra na minha nave. Vamos dar a volta ao planeta a entregar os presentes a todas as crianças. Vais ver que demoramos pouco tempo. – Disse o astronauta.

-E as minhas renas? Como ficam? – Perguntou o Pai Natal triste e preocupado.

-Ficam bem. Olha que já trabalharam muito!

-Pois…pois. – Disse o Pai Natal a falar com as suas barbas.

-Bem, não fiques triste. Elas vão levar os anões à floresta para apanhar cogumelos e morangos silvestres e ajudar alguns animais que estejam em apuros. - Continuou o astronauta.

-Isso é verdade. Então vamos, que não nos podemos atrasar com os presentes. Vamos diretos a Pinhal Novo pois os meus amigos do facebook disseram-me que lá já todos dormem.- Disse o Pai Natal.

-Está bem. E depois?- Perguntou o astronauta.

-Depois seguimos para Olinhostoilde. Espero que estejam todos deitados para lhes deixar os presentes. É que nessa terra há muitos Cabeça no Ar! Os pais de alguns até já lhes guardaram os telemóveis. – Informou o Pai Natal.

-Pai Natal, nunca lhes enviaste um mensagem por email? – Indagou o astronauta.
-Já. E sei que muitos já se emendaram.

-Que bom! Agora, podes escolher outro nome para essas crianças. Usa a Máquina de Fazer Palavras que está à tua frente. -Sugeriu o astronauta.


-Máquina de Fazer Palavras? Ótimo! – Disse o Pai Natal admirado. Aqui temos:
“ Meninos Bem Comportados”.

E, lá foram pelo ar. O Pai Natal estava extasiado com a velocidade estonteante da nave.


Trabalho coletivo do 5ºH feito na aula de Português


# ACONTECEU NA BE



ENCONTRO COM O ESCRITOR E PADRE JOSÉ LUÍS BORGA


JORNET - Jornal Escolar AEJMS

 

Top